Imagem

Empregados

Confira as informações de interesse coletivo sobre o Serpro

Empregados

Nesta seção, são divulgadas informações sobre concursos públicos de provimento de cargos, a relação e remuneração dos empregados públicos lotados ou em exercício no Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), bem como tabelas salariais referentes aos planos de carreira em vigência na Empresa.

Planos de Carreira

O Serpro conta atualmente com 3 planos de carreira: o Plano de Avaliação e Classificação de Cargos e Salários (PACCS); o II Regimento de Administração de Recursos Humanos do Serpro (RARH2); e, por fim, o Plano de Gestão de Carreiras do Serpro (PGCS).

PGCS - Tabelas Salariais

Implantado em novembro de 2008, o Plano de Gestão de Carreiras do Serpro (PGCS)  fornece um conjunto de ações que sistematizam as possibilidades de crescimento e de evolução profissional dos empregados e empregadas do Serpro, e estabelece formas de retribuição e reconhecimento compatíveis com o trabalho desenvolvido pelos profissionais.

Tabela Salarial 01: Analista - 8 horas

Tabela Salarial 02: Analista - 6 horas

Tabela Salarial 03: Analista - 4 horas

Tabela Salarial 04: Técnico - 8 horas

Tabela Salarial 05: Técnico - 6 horas

Tabela Salarial 06: Auxiliar - 8 horas

Tabela Salarial 07: Auxiliar - 6 horas

Tabela Salarial 08: Analista - Especialização: Serviço Social - 6 horas

Gratificações

Aos ocupantes de cada cargo integrante do Plano de Gestão de Carreiras do Serpro – PGCS são atribuídas as seguintes gratificações profissionais:

Gratificações.png

Além disto, os empregados e empregadas que desempenham atividades que extrapolam suas demandas cotidianas ou que estão envolvidos(as) em projetos estratégicos recebem uma gratificação adicional, a Gratificação de Função Específica (GFE).

Ela é distribuída por tempo determinado e não é incorporada ao salário. As chefias imediatas devem identificar, ao designar um(a) empregado(a) para receber a GFE, os seguintes itens:

  • o impacto no trabalho;
  • a complexidade do trabalho; e
  • a abrangência dos conhecimentos.

 

Estas são as tabelas de Gratificação de Função Específica (GFE) em vigência:

 

Empregados designados para a função de confiança recebem a Gratificação de Função de Confiança (GFC), cuja tabela segue abaixo:

 

RARH2 - Tabelas Salariais

A segunda versão do Regimento de Administração de Recursos Humanos do Serpro (RARH) foi implantada em novembro de 1997, após a revisão da primeira versão, datada de maio de 1989.

 

Gratificações

Aos integrantes do Regime de Administração de Recursos Humanos do Serpro (RAHR2) são distribuídas as seguintes gratificações:

- Gratificação de Especialização Adicional  (GEA) – RARH2

 

- Gratificação de Qualificação Adicional (GQA) – RARH2

 

- Gratificação de Habilitação Adicional (GHA) – RARH2

 

Empregados designados para a função de confiança recebem a Gratificação de Função de Confiança (GFC), cuja tabela segue abaixo:

- Gratificação de Função de Confiança - RARH2

 

Alguns empregados recebem uma gratificação adicional designada pela chefia imediata, a Função Comissionada Técnica/Auxiliar (FCT/FCA), que é distribuída por tempo determinado e não é incorporada ao salário. As chefias imediatas devem identificar, ao designar um(a) empregado(a) para receber a FCT/FCA, os seguintes itens:

  • o impacto no trabalho;
  • a complexidade do trabalho; e
  • a abrangência dos conhecimentos.


As tabelas que contêm estes valores seguem abaixo:

Gratificação de Função Comissionada Técnica  (FCT) RARH2

 

Gratificação de Função Comissionada para Auxiliar (FCA) RARH2

  • Tabela 03 – Gratificação de Função Comissionada para Auxiliar (FCA) - Auxiliar

 

PACCS - Tabelas Salariais

O Plano de Avaliação e Classificação de Cargos e Salários (PACCS) é o mais antigo em vigência na Empresa e atualmente é a remuneração oficial de cerca de 15 empregados e empregadas.

 

Despesas com pessoal

Veja aqui as despesas mensais de folha de pagamento do Serpro.

Contato