Notícias

General

Negócios

Serpro apresenta solução de gestão de infrações de trânsito aos DERs

por Comunicação Institucional do Serpro - Brasília — 09 de março de 2017
Sistema Radar entra na pauta de reunião dos Departamentos Estaduais de Estradas de Rodagem
ABDER.jpg

Nesta quarta-feira, dia 8 de março, o Serpro participou da primeira reunião deste ano da Associação Brasileira dos Departamentos Estaduais de Estradas de Rodagem (ABDER) para apresentar o Radar – sistema de fiscalização e gestão de infrações de trânsito. O encontro aconteceu na sede da Associação, em Brasília, e contou com a participação de órgãos de trânsito do Distrito Federal, Goiás, Bahia, Alagoas, Maranhão, São Paulo e Paraná.

Durante o encontro, o coordenador-geral de vendas do produto no Serpro, Carlos Magno Arantes, junto com o coordenador de vendas, Anderson Germano, apresentaram as funcionalidades da ferramenta e as vantagens que proporciona aos autuadores de trânsito e ao cidadão.

“O Radar é uma solução completa, eficiente e segura que acompanha a gestão da infração desde o registro em talonário eletrônico pelo agente de trânsito até a impressão das autuações e o gerenciamento de postagens das notificações e de pagamento das multas”, destacou Anderson Germano.

Benefícios

A praticidade proporcionada aos órgãos autuadores pelo Radar foi destacada por Carlos Magno Arantes, que enfatizou o benefício da ferramenta de agilizar processos operacionais e eliminar a necessidade de utilização de vários sistemas para gerir as infrações de trânsito.

Para o presidente da ABDER, Henrique Luduvice, o Radar gera economia e eficiência aos processos de trânsito. “Com o Radar, é possível economizar no processamento de dados, na impressão das infrações, na postagem das notificações, no talonário eletrônico e na quantidade de recursos humanos necessários para fazer a gestão dos processos”, afirmou o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER/DF), primeiro órgão de trânsito a contratar o Radar.

As vantagens do Radar despertaram o interesse dos órgãos de trânsito que, durante a reunião, já manifestaram a pretensão de contratar a solução. “A segurança, o processamento mais rápido e a economia gerada são vantagens que nos chamaram a atenção. Vamos analisar e a expectativa é que, até o final do mês, já tenhamos uma decisão sobre a parceria com o Serpro”, afirmou o diretor-presidente do DER de Alagoas, Helder Gazzameo.

Contato