Notícias

General

Negócios

Serpro apresenta solução de gestão de infrações de trânsito aos DERs

Sistema Radar entra na pauta de reunião dos Departamentos Estaduais de Estradas de Rodagem
ABDER.jpg
por Comunicação Institucional do Serpro - Brasília — 09 de março de 2017

Nesta quarta-feira, dia 8 de março, o Serpro participou da primeira reunião deste ano da Associação Brasileira dos Departamentos Estaduais de Estradas de Rodagem (ABDER) para apresentar o Radar – sistema de fiscalização e gestão de infrações de trânsito. O encontro aconteceu na sede da Associação, em Brasília, e contou com a participação de órgãos de trânsito do Distrito Federal, Goiás, Bahia, Alagoas, Maranhão, São Paulo e Paraná.

Durante o encontro, o coordenador-geral de vendas do produto no Serpro, Carlos Magno Arantes, junto com o coordenador de vendas, Anderson Germano, apresentaram as funcionalidades da ferramenta e as vantagens que proporciona aos autuadores de trânsito e ao cidadão.

“O Radar é uma solução completa, eficiente e segura que acompanha a gestão da infração desde o registro em talonário eletrônico pelo agente de trânsito até a impressão das autuações e o gerenciamento de postagens das notificações e de pagamento das multas”, destacou Anderson Germano.

Benefícios

A praticidade proporcionada aos órgãos autuadores pelo Radar foi destacada por Carlos Magno Arantes, que enfatizou o benefício da ferramenta de agilizar processos operacionais e eliminar a necessidade de utilização de vários sistemas para gerir as infrações de trânsito.

Para o presidente da ABDER, Henrique Luduvice, o Radar gera economia e eficiência aos processos de trânsito. “Com o Radar, é possível economizar no processamento de dados, na impressão das infrações, na postagem das notificações, no talonário eletrônico e na quantidade de recursos humanos necessários para fazer a gestão dos processos”, afirmou o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER/DF), primeiro órgão de trânsito a contratar o Radar.

As vantagens do Radar despertaram o interesse dos órgãos de trânsito que, durante a reunião, já manifestaram a pretensão de contratar a solução. “A segurança, o processamento mais rápido e a economia gerada são vantagens que nos chamaram a atenção. Vamos analisar e a expectativa é que, até o final do mês, já tenhamos uma decisão sobre a parceria com o Serpro”, afirmou o diretor-presidente do DER de Alagoas, Helder Gazzameo.

Contato