Notícias

General

Imposto de Renda

IRPF 2017 traz novidades tecnológicas para o cidadão

por Comunicação Empresarial do Serpro — 22 de fevereiro de 2017
Novo sistema gerador da declaração do imposto de renda passa a oferecer atualizações automáticas e não exige mais programa exclusivo para o envio
g6395.png

Neste ano, os contribuintes que fizerem a declaração de Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) vão poder contar com importantes novidades. O Serpro, empresa de TI do governo federal, implementou melhorias no sistema que vão trazer mais comodidade ao cidadão na hora de preencher e enviar o documento para a Receita Federal do Brasil (RFB).

Entre as facilidades oferecidas, está o fim da necessidade do usuário instalar o programa exclusivo para o envio da declaração, o Receitanet. Agora, basta o contribuinte fazer o download de um único sistema: o Programa Gerador de Declaração de Imposto de Renda, que vai passar a integrar o módulo de transmissão das informações e, assim, realizar o envio diretamente.

Outra novidade é a atualização do programa para computadores, que vai acontecer, a partir deste ano, de forma automática. “A cada necessidade de atualização, o usuário vai ser avisado no próprio programa, sem precisar instalar uma nova versão do sistema no computador”, explica o analista da equipe de desenvolvedores do programa gerador, Jamil Jende.

De acordo com Jamil, além dessas facilidades, o contribuinte vai passar a inserir, na tela de identificação do contribuinte, e-mail e número de celular, mas o preenchimento dessas informações não é obrigatório. Segundo a Receita, esses dados são importantes para ampliar o cadastro de informações das pessoas físicas e não serão utilizados para a comunicação do órgão com o contribuinte. Obrigatório, no entanto, será o informe do CPF de dependentes a partir de 12 anos de idade na declaração de 2017.

Também são destaques na Declaração do Imposto de Renda deste ano, a recuperação automática do nome do contribuinte ao ser inserido o CPF no programa, se o nome já tiver sido preenchido anteriormente. E, ainda, a remodelação das fichas de rendimentos isentos e não tributáveis e rendimentos sujeitos à tributação exclusiva/definitiva.

Evolução contínua

Para a chefe de coordenação de produtos IRPF do Serpro, Denise Almeida, as inovações implementadas no Imposto de Renda têm o principal objetivo de facilitar a vida do contribuinte. “O Serpro, em parceria com a Receita Federal, busca criar, todos os anos, novas funcionalidades que tragam benefícios ao cidadão. Uma dessas inovações, introduzida no ano passado e que continua valendo, é o armazenamento da declaração na nuvem e a expansão para dispositivos móveis. Com isso, as pessoas podem começar a preencher os dados no computador do escritório e terminar em casa, no smartphone ou tablet”, destaca Denise.

Versão 2017

O novo programa será disponibilizado para download na página da Receita Federal nesta quinta-feira, 23 de fevereiro. As declarações poderão ser entregues a partir das 8h do dia 2 de março até 28 de abril. De acordo com Denise Almeida, a expectativa é processar o recebimento de, pelo menos, 28,3 milhões de declarações em 2017.

Contato